29 de abr de 2014

Wishlist: continuações de séries (livros)

Leio um monte de séries e nem sempre posso - e quero - comprar as continuações logo que começam à ser vendidas - mas ainda assim não significa que eu não queira os livros! (risos) Resolvi escolher algumas séries que estão 'empacadas' na minha estante para fazer a wishlist da vez e quem sabe não desperta o interesse de alguém para começar à ler alguma dessas séries?

Convergente, terceiro livro da trilogia Divergente, da Veronica Roth (Editora Rocco)
Sinopse: A sociedade baseada em facções, na qual Tris Prior acreditara um dia, desmoronou – destruída pela violência e por disputas de poder, marcada pela perda e pela traição. No poderoso desfecho da trilogia Divergente, de Veronica Roth, a jovem será posta diante de novos desafios e mais uma vez obrigada a fazer escolhas que exigem coragem, fidelidade, sacrifício e amor. Livro mais vendido pela Amazon no segmento infantojuvenil em 2013, Convergente chega ao Brasil em meio à expectativa pela estreia de Divergente nos cinemas, em abril. A série segue no topo na lista de bestsellers do The New York Times.
Sinto que vão me linchar à qualquer instante (hum, talvez seja uma boa ideia dormir com um dos olhos abertos agora) mas a verdade é que a trilogia não me conquistou. A autora é excelente e a ideia é (muito) bacana mas não me deixou louca pela série. Porém, eu já li os dois primeiros livros (em junho do ano passado!) e todo esse alvoroço com o filme me deixou com vontade de ler logo Convergente!

Travessia, segundo livro da trilogia Crossed, da autora Ally Condie (Suma das Letras)
Sinopse: Em busca de um futuro que pode não existir e tendo que decidir com quem compartilhá-lo, a jornada de Cassia às Províncias Exteriores em busca de Ky – levado pela Sociedade para uma morte certa –, mas descobre que ele escapou, deixando uma série de pistas pelo caminho. A busca de Cassia a leva a questionar o que é mais importante para ela, mesmo quando vislumbra um diferente tipo de vida além das fronteiras. Mas, à medida que Cassia tem certeza sobre o seu futuro com Ky, um convite para uma rebelião, uma inesperada traição e uma visita surpresa de Xander – que pode ter a chave para revolta e, ainda, para o coração de Cassia – mudam o jogo mais uma vez. Nada é como o esperado em relação à Sociedade, onde ilusão e traição fazem um caminho ainda mais confuso.

Li Destino (primeiro livro da trilogia) na mesma época que Divergente e Convergente e, apesar de ter gostado muito, acabei enrolando para comprar a continuação. Acho que não estava no clima para distopias...

O Lírio Dourado, segundo livro da série Bloodlines, da autora Richelle Mead (Editora Seguinte)
Sinopse: Em sua última missão, a alquimista Sydney Sage foi enviada a um colégio interno na Califórnia para proteger a princesa Moroi Jill Dragomir, e assim evitar uma guerra civil entre os vampiros que certamente afetaria a humanidade. Porém, a convivência com Jill, Eddie e principalmente Adrian leva Sydney a perceber que talvez os Moroi não sejam criaturas tão terríveis assim - e ela passa a questionar os dogmas que lhe foram ensinados desde a infância. Tudo se torna ainda mais complicado quando Sydney descobre que talvez tenha a chave para evitar a transformação em Strigoi, vampiros malignos e imortais, mas esse poder mágico a assusta. Igualmente difícil é seu novo romance com Brayden, um cara bonito e inteligente que parece combinar com Sydney em todos os sentidos. Porém, por mais perfeito que ele seja, Sydney se sente atraída por outra pessoa - alguém proibido para ela. E quando um segredo chocante ameaça deixar o mundo dos vampiros em pedaços, a lealdade de Sydney será colocada mais uma vez à prova. Ela confiará nos alquimistas ou em seu coração? 
Ok, não estou com tanta pressa com esse porque li o anterior (Laços de Sangue) em março mas ainda assim o livro terminou de um jeito que me deixou louca pela continuação! Fora que tem um dos meus personagens favoritos de todo o sempre (Adrian <3)... e, ah!, o terceiro volume (O Feitiço Azul) acaba de sair!

Garoto Encontra Garota, trilogia Garoto, da Meg Cabot (Galera Record)
Sinopse: Neste novo sucesso de Meg Cabot, Kate Mackenzie é assistente da TPM (Tirana, Perversa e Maldosa) Amy Jenkis, diabólica diretora de RH da empresa onde trabalha. TPM ordena que Kate demita a funcionária mais popular da empresa, o que a leva a ser processada pela demissão injusta. Mas, ao contrário do que todos imaginavam - que Kate ia se dar mal -, ela encontra o amor de sua vida no tribunal. 
Não é exatamente uma série (bem, é mas os livros são independentes entre si) mas ainda assim se encaixa aqui! Li O Garoto da Casa ao Lado ano passado e amei! Acho essa capa linda e, bom, é Meg Cabot né? Não precisa de explicações.



BÔNUS!!
A Aposta 2 da Vanessa Bosso
Sinopse: Lex e Nina estão de volta, mais explosivos e apaixonados do que nunca. Um pedido de casamento entra em cena, juntamente com uma Bárbara louca de ódio e sedenta por vingança. O que a Kibiscate aprontará desta vez? Conseguirá finalmente separar o casal mais divertido da literatura brasileira? Façam suas apostas. A Vingança Mor está prestes a começar. 
Ok, ok, esse livro não se encaixa exatamente aqui mas não sei como classificá-lo! (risos) Primeira coisa que você precisa entender: A Aposta 2 é em formato e-book e vende na Amazon! O motivo pelo qual não li foi por não ter uma conta lá "/ Mas enfim, se você pode comprar lá na Amazon vá agora atrás do primeiro livro!!

27 de abr de 2014

Maratona: Universo Marvel + Agents of S.H.I.E.L.D.

Se você espera que eu resenhe cada um dos filmes ou uma grande explicação sobre como todos os filmes estão ligados, só posso pedir desculpas mas eu não daria conta de fazer uma coisa dessas! (risos) É um assunto que eu não me acho tão especialista para falar então prefiro não arriscar mas, se procurar um pouco na internet, você pode encontrar muitos sites que explicam tudo certinho para você ;) 'Mas então sobre o que você vai falar aqui, Cami?' Bom, resolvi escrever como foi essa louca e frenética maratona do Universo Marvel que durou dez dias e, quem sabe, não te motiva a fazer também :)

'Mas por que você resolveu fazer essa maratona?'

Na semana retrasada, fui com algumas amigas no cinema para assistir Capitão América - O Soldado Invernal e saí de lá um tanto confusa e ao mesmo tempo animada para assistir todos os filmes anteriores da Marvel e, como estávamos em semana de feriado, decidi que iria tentar fazer a maratona (que acabou durando dez dias).
Entenda: eu sempre assisti os filmes e tudo o mais mas só quando vi Os Vingadores realmente passei a gostar de verdade do Universo Marvel. Sim, sou muito poser! (risos) Mas a questão é que depois de ver Capitão América 2 me decidi a levar a sério e entender todo esse mundo cinematográfico criado pela Marvel Studios e agora só posso dizer que estou completamente fanática por tudo isso!

O que eu assisti

Minha maior dúvida antes de começar a maratona era qual a sequência cronológica era "a certa" e acabei encontrando essa linha do tempo onde organizaram todos os eventos dos filmes até o fim da fase 1 - como você pode ver, não há exatamente uma ordem já que tudo acaba acontecendo ao mesmo tempo mas, conclui que uma sequência bacana seria: Capitão América - O Primeiro Vingador, Homem de Ferro, Homem de Ferro 2, O Incrível HulkThorOs Vingadores (fim da fase 1); Homem de Ferro 3, Thor: O Mundo Sombrio e Capitão América - O Soldado Invernal.

Ok, depois de todos esses filmes acho que o que mais gostei foi Capitão América - O Soldado Invernal - até porque ele é um dos meus favoritos (minha eterna dúvida se é ele ou Homem de Ferro) e foi por causa do filme que resolvi fazer a maratona (risos). Mas enfim, não vou me alongar aqui falando sobre o filme porque ainda tenho que falar sobre mais uma coisa...

Já que estava na clima, resolvi assistir a série da abc Marvel's Agents os S.H.I.E.L.D.! A trama se passa após a Batalha de New York em Os Vingadores e vemos o Agente Phil Coulson (pois é, ele está vivo!) resolvendo casos com um pequeno grupo de agentes - que são completamente diferentes um do outro mas que funcionam juntos de alguma forma.
A grande crítica era que Agents of S.H.I.E.L.D. não tinha nenhuma conexão palpável com o Universo Marvel (até porque o enredo não saiu dos quadrinhos)  e muita gente desanimou. Eu não tinha nada há perder e resolvi dar uma chance a série e estou adorando! Antes que atirem pedras em mim, sim, ela tem seus pontos baixos mas vejo que à cada episódio eles vêm arrumando suas falhas (o que é super normal para qualquer série).
O que mais gosto nela são os personagens (Skye, Grant Ward, May, Colson, Fitz-Simmons...) e, por mais que você acredite que "a primeira impressão é a que fica" (pois é, eu não gostei do piloto!) acho que vale à pena dar uma chance!
Atualmente, a série está na sua primeira temporada e ainda não há uma confirmação de uma segunda.

Conclusão

Para fazer uma maratona dessas precisa-se de MUITO tempo. Os filmes são longos (e cada episódio da série tem 45 minutos) mas se você gosta de tudo isso, é muito gostoso fazer uma maratona dessas! Espero poder em breve rever aos filmes da trilogia Homem Aranha e estou ansiosa para O Espetacular Homem Aranha 2: A Ameaça do Electro (que lança essa semana!), além de que preciso ver os filmes do X-Men... é, ainda tenho muito o que assistir! (risos)

E aí? Já fez maratonas de filmes? Alguma dica para a minha próxima maratona? Comente!

25 de abr de 2014

Uma música por dia: Bad Blood, Bastille

Oh! Acabei me enrolando hoje com estudos e assistindo uma série (Marvel's Agents of S.H.I.E.L.D., só para constar) e esqueci completamente que precisava postar aqui! (risos) Enfim, por mais que o post tenha saído atrasado a indicação ainda assim vale muito à pena! A música de hoje é Bad  Blood da banda Bastille e é minha favorita do álbum que leva o mesmo nome da canção! Espero que gostem!

24 de abr de 2014

Uma música por dia: Pumpin Blood, NONONO (Glee version)


OMG! Alguém me explica como eu nunca ouvi essa música antes! No episódio dessa semana de Glee (05x17, ´Opening Night') foi performado pelo elenco a música Pumpin Blood da banda NONONO. Eu amei a música original tanto quanto o cover da série e espero mesmo que a banda lance um álbum logo!

[REVIEW] Livro: Codéx dos Caçadores de Sombras, Cassandra Clare e Joshua Lewis

"A Clave tem o prazer de anunciar a mais nova edição no mais antigo e famoso manual dos Nephilim: o Shadowhunters’ Codex. Desde o século XIII, o códex vem sendo o mais jovem amigo de todo Caçador de Sombras. Quando você está cercado por demônios, é muito fácil esquecer os pontos mais obscuros da linguagem demoníaca ou a maneira mais rápida de parar um ataque de demônios Raum. Com o códex, entretanto, você nunca vai precisar se preocupar.
Agora em sua vigésima sétima edição, o codex abrange tudo: a história e as leis do nosso mundo; como identificar, conviver com, ou se preciso, matar a maioria dos coloridos habitantes deste mundo; qual ponta da estela você deve usar para se marcar. Suas tentativas de matar um vampiro ou um feiticeiro não serão mais atrasadas por intermináveis perguntas de seus recrutas: O que é um Pyxis? Por que não usamos armas de fogo? Se não posso ver um símbolo de um feiticeiro, há alguma forma educada de perguntar a ele onde a marca está? Onde conseguimos toda nossa água benta? Apostilas de geografia, história, magia e zoologia, todas juntas em uma só, o codex está aí para ajudar novos Caçadores de Sombras a navegar no belo, às vezes brutal, mundo que habitamos.
E para ninguém dizer que a Clave está desatualizada, ou, como dizem os jovens Caçadores de Sombras, “careta”, essa nova versão do Codex estará disponível não só na versão com a ligação de pele de demônio fechada magicamente, mas, também, numa versão moderna, usando todas as mais novas e emocionante técnicas de impressão atuais, incluindo alguns novos recursos, como uma capa firme feita de tecido, um revestimento à prova de poeira e informações sobre título, autor, editora, e muito mais escritos na capa. Você vai gostar de saber que ela cabe perfeitamente na maioria das mochilas e, ao contrário das antigas edições, ela não desliga mais sistemas de segurança. 
As antigas gravuras também foram substituídas: em vez delas, você vai encontrar pródigas ilustrações feitas por alguns dos mais brilhantes artistas. Criaturas, armas, pessoas e lugares foram cuidadosa e precisamente descritos por Rebecca Guay, Charles Vess, Jim Nelson, Theo Black, Elisabeth Alba e Cassandra Jean. Os capítulos são graciosamente introduzidos pelos desenhos de Michael Kaluta, e durante o resumo do clássico de 2.450 páginas, A História dos Nephilims, você vai encontrar uma seleção das melhores e mais adoráveis ilustrações do volume por John Dollar. 
Essa edição do Codex estará disponível nas bibliotecas dos Institutos e onde os mundanos costumam chamar de “livrarias”." [...]

O Códex dos Caçadores de Sombras era um dos livros que mais estava esperando para ser lançado aqui e não perdi tempo em comprá-lo logo que saiu. Para quem não sabe, esse é um extra das séries Instrumentos Mortais e Peças Infernais da Cassandra Clare e nele podemos encontrar várias informações sobre as criaturas, marcas, lugares, entre outras coisas que conhecemos nas séries. 
Achei que o Codéx adicionou em muito sobre o que eu sabia sobre o Mundo das Sombras, diferentemente do que aconteceu com os guias das séries do Rick Riordan* (Percy Jackson & Os Heróis do Olimpo e As Crônicas de Kane) que basicamente revisavam tudo o que já sabemos pelos livros.
Visualmente o livro é ainda mais maravilhoso: além da capa com brilho que é típica dos outros das séries, há várias ilustrações incríveis por todo o livro (menção especial para as que estão atrás da capa e contracapa!). Outro ponto que gostei foram as anotações feitas pelos personagens (Clary, Jace e Simon) que deixa o Codéx mais leve de ler (me vi gargalhando com vários comentários) e também acrescenta em muito com informações úteis que são deixadas de fora.
O Codéx é um livro que todo fã desse mundo deve ter em sua coleção e posso garantir que não vai se arrepender de ter comprado (ou adquirido em seu Instituto) - fora que você, meu caro Caçador de Sombras, tem a obrigação de lê-lo (mas é claro que você já sabia disso!).

* Com exceção de Os Diários do Semideus que tem várias histórias bacanas

23 de abr de 2014

Uma música por dia: First Things First, Neon Trees


Essa semana o álbum Pop Psychology do Neon Trees foi lançado e, para divulgar, a banda liberou o videoclipe de First Things First! Ainda não tive tempo para escutar o álbum mas amei todos os singles que saíram até agora e estou muito curiosa para ouvir todas as faixas!

22 de abr de 2014

Uma música por dia: Already Home, A Great Big World

Apenas imaginem o desespero de uma pessoa que adora A Great Big World e é apaixonada por Darren Criss quando descobre que vai ser lançado um clipe onde encontramos ambos no vídeo e não vai poder assistir logo que sair porque está sem internet - foi a minha situação quando soube sobre Already Home! Tudo bem que consegui assistir apenas algumas horas depois do lançamento (depois de gastar toda a quantia diária de internet do meu celular, é claro) mas ainda assim entrei em pânico! (risos) Mas enfim, confira esse clipe lindíssimo de uma das minhas músicas favoritas do Is There Anybody Out There? (2013)

OBS: sim, é a garota do clipe é a Jessica Szohr (Vanessa Abrams de Gossip Girl

OBS 2: pois é, tinha planejado que teria internet para poder postar o 'uma música por dia' mas acabou que o 3G da Tim me deixou na mão "/

18 de abr de 2014

Uma música por dia: All The Pretty Lights, Passenger


Estou bem surpresa por nunca ter comentado sobre Passenger por aqui! Mas enfim, conheci ele ano passado e se tornou um dos meus queridinhos e tinha que indicar aqui uma das minhas músicas favoritas, All The Pretty Lights! <3 

17 de abr de 2014

Uma música por dia: Love is a Battlefield, Pat Benatar (Glee version)


No episódio que foi ao ar essa semana da série Glee (5x16, 'Tested') tivemos um cover divino de Love is a Battlefield e é claro que estou escutando toda hora porque 1) eu adoro essa canção e 2) a performace ficou incrível! Para quem não conhece a versão original da música de Pat Benatar, vale à pena conferir (sério, pare agora a versão de Glee e vá escutar a original!).

16 de abr de 2014

Uma música por dia: Gives You Hell, The All-American Rejects


Conheci Gives You Hell por um cover feito na primeira temporada de Glee e lógico que quis escutar a original e desde então é uma das músicas que mais escuto. É uma daquelas canções que dá vontade de sair cantando por aí combinando ou não com o estado de espírito, sabe? (risos) Enfim, escutem aí a versão original feita pela banda The All-American Rejects

15 de abr de 2014

Uma música por dia: Girls/Girls/Boys, Brendon Urie (Panic! At The Disco)


A música de hoje é uma versão acústica de Girls/Girls/Boys da banda Panic! At The Disco. Desde que o álbum Too Weird To Live, Too Rare To Die! saiu é uma das minhas favoritas e essa versão acústica feita pelo Brendon Urie (vocalista) é ainda melhor que a de estúdio! Vale à pena conferir.

Trailer de Garota Exemplar!

Saiu o trailer da adaptação do best-seller de Gillian Flynn, Garota Exemplar (Gone Girl) que tem previsão de lançamento previsto para 3 de outubro nos Estados Unidos. Confira:


Sinopse: [...] "Na manhã de seu quinto aniversário de casamento, Amy, a linda e inteligente esposa de Nick Dunne, desaparece de sua casa às margens do Rio Mississippi. Aparentemente trata-se de um crime violento, e passagens do diário de Amy revelam uma garota perfeccionista que seria capaz de levar qualquer um ao limite. Pressionado pela polícia e pela opinião pública – e também pelos ferozmente amorosos pais de Amy –, Nick desfia uma série interminável de mentiras, meias verdades e comportamentos inapropriados. Sim, ele parece estranhamente evasivo, e sem dúvida amargo, mas seria um assassino? Com sua irmã gêmea Margo a seu lado, Nick afirma inocência. O problema é: se não foi Nick, onde está Amy? E por que todas as pistas apontam para ele?"
O filme é dirigido por David Fincher e conta com Ben Aflleck, Rosamund Pike, Neil Patrick Harris, Kim Dickens, Missi Pyle, Tyler Perry e Patrick Fugit no elenco.

14 de abr de 2014

Uma música por dia: Love Runs Out, OneRepublic

OneRepublic é uma das minhas bandas favoritas de sempre e lógico que estava super ansiosa para ouvir uma música nova! Love Runs Out foi liberada hoje de madrugada e é simplesmente maravilhosa! A canção me lembra muito Rumor Has It da Adele - que aliás foi co-escrita pelo Ryan (vocalista do OneRepublic) - e tem uma batida gostosa de se ouvir (marca registrada da banda!). 

OBS.: ainda não me conformei que ela não entrou para o Native! Acho que ela combina demais com o resto do álbum e, poxa vida!, ela tinha de estar lá! Ryan disse que é a música mais legal já feita pela OneRepublic e, bom, não discordo (apesar de que diria que é uma entre os muitos trabalhos incríveis da banda!). Torcendo para que seja mesmo relançado o álbum com Love Runs Out (e que seja vendido no Brasil).

13 de abr de 2014

Uma música por dia: Holding onto Heaven, Foxes


Cofesso que as primeiras músicas que ouvi da Foxes não me agradaram muito mas ainda assim resolvi dar uma chance para Holdind onto Heaven e só posso dizer que me surpreendeu! A música é agradável e o clipe não poderia ser mais fofo! 

12 de abr de 2014

Uma música por dia: Holiday, Green Day

Green Day é uma dessas bandas que eu conheço desde sempre. O álbum American Idiot é um dos meus favoritos de sempre e hoje - finalmente! - consegui comprá-lo para minha coleção! Em "comemoração", escolhi Holiday que é uma das minhas favoritas! E você? Tem algum álbum que marcou sua infância/adolescencia?

11 de abr de 2014

Uma música por dia: Nevermind, Foster The People


Foster The People é uma das minhas bandas favoritas e eu indico ela para todo mundo! Confesso que não morri de amores pelo novo álbum deles, Supermodel, mas ainda assim ele é ótimo! Ele já está à venda aqui no Brasil e eu comprei o meu ontem então é óbvio que eu passei o dia todo escutando ele! (risos) Nevermind é uma das minhas favoritas - acho que só perde para Coming of Age! - e espero que gostem da indicação (:

10 de abr de 2014

Uma música por dia: Raging Fire, Phillip Phillips

Phillip Phillips é um dos meus queridinhos desde que uma amiga me mostrou o vídeo do final do American Idol e lógico que precisava vir correndo aqui para indicar seu novo single, Raging Fire, que teve seu clipe (encantador) divulgado hoje! 

9 de abr de 2014

Uma música por dia: My Own Way, Duran Duran

Passei o dia todo ouvindo Rio (1982) da banda Duran Duran e lógico que tinha de colocar uma música do álbum aqui! Pensei em por Hungry Like a Wolf ou Rio mas escolhi My Own Way que é uma canção tão incrível quanto todas as outras. Então considerem a música de hoje sendo uma indicação de álbum e não somente de uma faixa!

8 de abr de 2014

Uma música por dia: Happy, Pharrell Williams (Tyler Ward & Cimorelli Cover)

Happy do Pharrell Williams é uma das minhas músicas favoritas dos últimos tempos (só o fato de ela fazer parte da trilha sonora de Meu Malvado Favorito 2 já faz da música ótima!) e eu vivo cantando ela, tipo, toda hora! (risos) Existem vários convers muito bacanas de Happy espalhados pela internet mas resolvi escolher essa por ser do Tyler Ward e Cimorelli que são dois dos meus canais favoritos de covers! Espero que gostem (:

7 de abr de 2014

Uma música por dia: Sing, Ed Sheeran


(Mais uma coluna! Era para eu ter começado em 1° de abril (verdade!) mas acabei me enrolando e enfim... Mas vou tentar postar uma música por dia aqui! (: )

Já começamos bem com o novo single super divertido do Ed Sheeran que foi liberado hoje, Sing! Eu achei a música fantástica e me deixou ainda mais ansiosa pelo novo CD ('x', ainda sem previsão de lançamento).

6 de abr de 2014

Filme: You Instead (Essa Noite Você é Minha)

Já que estamos no clima de Lollapalooza (já estou entrando no clima de Coachella mas enfim) resolvi fazer um post sobre o filme You Instead ('Essa Noite Você é Minha', no Brasil; 'Tonight You're Mine', nos Estados Unidos) que se passa em um festival de música, o T in the Park, na Escócia (que, para quem não sabe, existe de verdade)!

A história se desenrola toda no festival quando Adam (Luke Treadaway) e Morello (Natalia Tena - sim, a Tonks de Harry Potter!) - ambos membros de bandas completamente diferentes - "se esbarram" e já demonstram não se entenderem de imediato e, de uma forma bem absurda, se deparam presos um ao outro por algemas (e assim vão passar praticamente o filme inteiro).
A situação já era difícil por eles se odiarem mas o fato de ambos terem apresentações marcadas para o próximo dia só deixaram as coisas piores. Eles até tentam se livrar da maldita algema mas, aparentemente, é impossível destruí-la. Só havia uma solução: eles precisavam encontrar o cara que havia unido os dois - mas como encontrar alguém no meio de tanta gente? Como se libertar era algo quase impossível, a dupla tenta aproveitar o festival e acaba se divertindo muito junto apesar da situação incoveniente. 


Não vou contar mais da história porque vou acabar contando muitos spoilers! (risos) You Instead não é um filme revolucionário, a história é meio previsível (vai dizer que não sabia que a bendita algema acabaria fazendo que Adam e Morello acabem se apaixonando?) e fica um pouco confuso em alguns momentos mas não me arrependo de ter assistido!
Para quem, assim como eu, gosta dessas histórias ambientadas em festivais de música, uma boa trilha sonora e um romance fofo super recomendo o filme!

OBS: não deixe de conferir o vídeo da música You Instead!

3 de abr de 2014

[REVIEW] Todo Dia, David Levithan

"Neste novo romance, David Levithan leva a criatividade a outro patamar. Seu protagonista, A, acorda todo dia em um corpo diferente. Não importa o lugar, o gênero ou a personalidade, A precisa se adaptar ao novo corpo, mesmo que só por um dia. Depois de 16 anos vivendo assim, A já aprendeu a seguir as próprias regras: nunca interferir, nem se envolver. Até que uma manhã acorda no corpo de Justin e conhece sua namorada, Rhiannon. A partir desse momento, todas as suas prioridades mudam, e, conforme se envolvem mais, lutando para se reencontrar a cada 24 horas, A e Rhiannon precisam questionar tudo em nome do amor."

Por onde começar à falar sobre um livro incrível como esse? Faz um bom tempo que o comprei mas estava com medo de ir com muita sede ao pote e acabar me decepcionando - o que, graças à Deus, não aconteceu!
Em Todo Dia conhecemos o/a protagonista A que não se sabe se é garoto ou garota, se é uma entidade ou alienígena - A é simplesmente A. Todos os dias, A acorda em um corpo diferente e nele habita por 24h. Desde que se lembra, as coisas sempre foram assim e não tem ideia do motivo de isso acontecer. Não tem ideia nem de se existem outros como ele/a.
Até onde se sabe, A sempre tem a mesma idade que os corpos aos quais habita - 16 anos - então não há como ele ser um velho em um dia e no outro acordar sendo um bebê; no entanto, se engana quem pensa que isso restringe suas opções: A já foi garoto, garota, rico, pobre, negro, latino, gay, lésbica, gordo, magro, dependente químico, suícida, nerd, entre muitos outros. A não interfere na vida dos corpos: apenas acorda, resgata as memórias que precisa para que aquele seja apenas mais um dia na vida da pessoa. Até que um dia A acorda no corpo de Justin e conhece a namorada do garoto, Rihannon, se apaixona pela garota e desenvolve um desejo de vê-la novamente - mas como isso seria possível quando A é uma pessoa diferente à cada dia?
Confesso que o casal não me cativou e não acho que seja um livro "perfeito" mas posso dizer que Todo Dia é um daqueles livros que você lê e que a história vai ficar rondando por um bom tempo em seus pensamento. A é um personagem bem interessante (apesar de irritante em boa parte do tempo): ele acorda todo dia em um corpo diferente, sem o poder de escolha de onde irá acordar ou que personalidade vai ter. Achei incrível a maneira como David Levithan mostrou o quanto as pessoas são diferentes e como A lida com todo tipo de situações sem preconceitos quanto à eles.
Ouvi muitas pessoas falarem sobre Todo Dia antes mesmo de ele ser publicado aqui no Brasil e fiquei impressionada com a quantidade de elogios. Essa é a primeira vez que leio um livro somente do David Levithan - meu primeiro contato com sua escrita foi com Will & Will em parceria com John Green - e só posso dizer que estou apaixonada por suas criações! Não vejo a hora de conhecer outras obras do autor (estou apostando minhas fichas em Nick & Norah e espero que a Galera publique logo Two Boys Kissing!).

Não deixe de conferir esse booktrailer maravilhoso feito pelo Grupo Editorial Record com vários blogueiros/vlogueiros que eu adoro! interpretando o primeiro capítulo do livro:

Todo Dia é publicado no pela Galera Record e é o primeiro livro solo de David Levithan a ser lançado no Brasil. Adicione o livro no skoob.

Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©